• Mia fez esta doll
    Adotável
    Base por Beeyu

  • Spectra fez esta doll
    Adotável
    Base por Jubs

  • Mia fez esta doll
    Não adotável
    Base por Mia

  • Mia fez esta doll
    Adotável
    Base por Mia

Quer ajudar o site a continuar no ar? Contribua com uma doação - qualquer valor ajuda e nós agradecemos muito!

Posts da tag “teka”

Detona Ralph (2012)

Detona Ralph é a nova animação dos estúdios Disney, que está atualmente em cartaz e já é um sucesso.

Ralph é o vilão do jogo de fliperama Conserta Félix Jr que apesar de fazer seu trabalho perfeitamente está cansado de ser excluído por todos os demais habitantes do seu jogo.
Quando Ralph percebe que não é bem vido na comemoração de 30 anos do jogo, se revolta e jura que só vai voltar com uma medalha de herói.
Determinado Ralph sai do Conserta Felix Jr e começa a viajar por diversos games atrás de sua medalha, indo parar na Sugar Rush onde conhece Vanellope von Schweetz, uma garotinha que tem o sonho de conseguir participar da corrida de seu jogo.

A história é adorável e o filme é ótimo do começo ao fim (e até antes mesmo do filme tem um curta lindíssimo da Disney, para quem for assistir no cinema).
A produção está concorrendo a Oscar de melhor animação e eu torço muito para ganhar, apesar de ter perdido o Globo de Ouro para Valente, definitivamente é o meu favorito.
O filme conta com a participação de vários personagens de videogame da vida real como: M. Bison, Zangief, Ken, Ryu, Chun Li e Cammy, todos da série Street Fighter; Q-Bert e seus inimigos; Pac-Man e o fantasma laranja; Bowser, o vilão dos jogos Super Mario Bros; e Sonic e Dr. Eggman, seu arquinimigo.

 

A história é uma mistura entre Toy Story, Monstros S.A e Meu Malvado Favorito, por ser uma história que conta com a personificação de brinquedos, por tratar os personagem de videogames como empregados e ter uma empresa por trás de tudo, e por querer mostrar o lado bom de um vilão.
Sem falar que a Vanellope é uma versão mais velha da Agnes, sendo essa por sua vez, uma versão mais velha da Boo!

 

Ou seja se você gosta de Toy Story ou Monstros S.A ou Meu Malvado Favorito ou garotinhas fofas morenas de franja é uma animação recomendadíssima para você.
E se você é fã de games, o filme também é uma boa pedida! Mas não se engane se espera ver um filme que apenas vai falar de videogames está indo ao lugar errado, é um filme com uma história, no caso do Ralph e da Vanellope, que acontece no mundo dos games.
O filme pode atrair gamers de uma geração mais antiga também por tratar dos tempos de glória dos fliperamas.
Aliás sabiam que a ideia da Disney de fazer uma animação falando sobre games começou lá nos anos 80? Talvez por isso da escolha dos fliperamas e não dos consoles de hoje em dia.

Elenco do filme por CherushiMetsumari

Vanellope por xoRinny

Ralph por FlamingBravery

Gostou? Corre pro cinema que ainda dá tempo de conseguir ver esse novo clássico da Disney nas telonas!!!
E ahhh, corre no site oficial do filme que nele tem todos os jogos do filme para jogar de verdade!!!
Até mais,
Teka

Ruby Sparks – A Namorada Perfeita

Calvin (Paul Dano) é um escritor depressivo e sem amigos que está passando por um bloqueio criativo e não consegue mais escrever.
Então, ele começa a sonhar com uma garota perfeita que seria seu grande amor e resolve escrever sobre ela.
Após iniciar o livro e criar toda uma vida para a Ruby Sparks (Zoe Kazan), ela simplesmente aparece em seu apartamento sem explicação.

Diferente das demais comédias românticas em que essas coisas bizarras acontecem (tipo “E se fosse verdade…”), a Ruby é realmente real, ou seja, ela é vista por todos, não apenas pelo Calvin, fazendo o roteiro ganhar originalidade e não ser apenar mais uma história de um protagonista louco e sozinho que começa imaginar uma namorada.

A Ruby é uma personagem sensacional, ela começa sendo a típica mulher perfeita idealizada pelos homens á lá Summer de (500) days of Summer (do ponto de vista do Tom, é claro!) e aos poucos ela vai se tornando uma mulher real, mas sem perder sua magia e sua individualidade.

O que irrita um pouco é o Calvin, ele é personagem extremamente chato e depressivo, e sinceramente eu não sei como uma mulher consegue aguentá-lo mesmo ela sendo inventada pelo próprio.

Bom, deixando os personagens de lado, o legal mesmo é a criação do filme! O roteiro foi feito pela própria Zoe Kazan, a Ruby, e que escreveu o personagem Calvin para o seu namorado o Paul Dano! Isso acaba até dando uma carinha mais de real para o filme, principalmente na parte da química entre o casal!

Devo alerta-los que é um filme um tanto quanto esquisito, bem surreal e fantasioso, mas é bom, original e afinal, comédias românticas não são para serem levadas muito a sério mesmo!

Aqui tem uma Ruby Sparks feito por mim, e essa ruivinha que lembrou a Ruby feita por M. Black
Beijos e até mais!
Teka

Hop – Rebeldes Sem Páscoa

Hoje tem cine-fofura aqui no blog hahahaha, dos diretores de Alvin e os esquilos e dos produtores de Meu Malvado Favorito eis que nasce essa produção que mistura coelhos e pintinhos de animação com personagens reais!

HOP conta a história de E.B. (Russell Brand), um coelho adolescente que esta prestes a herdar o trono de Coelho da Páscoa, mas que na verdade só quer saber em se tornar um astro do rock tocando bateria.
Então após uma discussão com o pai (Hugh Laurie), decide fugir para Hollywood e conhece Fred (James Marsden) que está cuidando da mansão do chefe de sua irmã (Kaley Cuoco) enquanto não consegue arranjar um emprego decente devido ser preguiçoso e ser desajeitado.
Após de muito, eles começam a se entender e decidem se ajudar, enquanto o pai de E.B faz uma intensa busca atrás de seu filho com ajuda de coelhas ninjas. Além do que se E.B não voltar em breve, o poder da Páscoa pode estar sendo ameaçado por pintinhos maléficos revoltados.

APRESENTO-LHES OS PINTINHOS MALÉFICOS!

Bom, imagina a graça que é, praticamente uma mistura de Alvin e os Esquilos, no qual o roteiro até me lembrou um pouco, e Meu Malvado Favorito, ou seja, dá vontade de apertar e esmagar todos aqueles coelhos e pintinhos!!!!!
Além de que tem ótimas piadas, que consegue também agradar um público mais adulto, sendo aquele filme que pode juntar a família toda para assistir e todos vão gostar.
E apesar de não ser muito fã dessa mistura ficção com real (acho que sempre fica meio forçado), eu não sei o que esses diretores fazem, mas, assim como em Alvin e os Esquilos isso é muito bem feito ficando engraçado e legal de assistir.

Ah sim, o filme ainda conta com a participação especial de David Hasselhoff, o jurado de America’s got talent e a comediante Chelsea Handler.

E em um desabafo: Entendo a revolta dos pintinhos, afinal, quem bota ovos são eles e quem leva toda a fama da Páscoa são os coelhos, então achei sensacional ver os pintinhos tentando conquistar seus direitos! São pintinhos fazendo a revolução, como não amar???? HAHAHAHAHA

Bom procurei por coelhos de pixel e encontrei esse cenário incrível de Leticia Imão, esses coelhinhos lindos ambos feitos por Saah~, uma garota com coelhos por Abbie e a famosíssima doll de Lily-Tam contando com um coelho violinista:


Beijos e até mais,
Teka

Tags: , ,

Especial Halloween

Eu sei, eu sei, todos adoram reclamar que Halloween não é para os Brasileiros e que não devíamos comemorar, mas, no fundo todos morrem de inveja dessa data e queriam poder estar nos Estados Unidos com uma fantasia bem legal comendo doces!!!
E, além do mais, a maioria dos filmes que vimos é Estadunidense então ignorar a participação do Halloween no mundo cinematográfico é um absurdo, por isso preparei uma seleção de filmes divertidos que abordam o tema (nada de terror, porque eu tenho medo hahahah):

•    Série Halloweentown

Por que ver um filme só se você já pode ver quatro de uma vez só???
Halloweentown é uma série de quatro filmes do canal de tv Disney Channel, que teve seu primeiro lançado em 1998 e o último em 2006!
Narra à história de Marnie Piper (Debbie Reynolds ) que descobre que  tem poderes mágicos graças a sua vó, apesar de sua mãe sempre esconder o fato que sua família tem poderes e pertencem a um lugar chamado Halloweentown.
A saga começa com a protagonista com 13 anos e o último mostra a personagem regressando a universidade! Ou seja, há diversas aventuras mágicas envolvendo seres mágicos e superpoderes.

•    Abracadabra (1993)

O filme se passa na cidade de Salem, onde há 300 anos três bruxas Winnie (Bette Midler), Sarah (Sarah Jessica Parker) e Mary (Kathy Najimy) foram banidas devidas serem pegas praticando bruxaria.
Antes de morrerem, lançam uma maldição que as elevaria dentre os mortos quando um virgem acendesse a vela da chama negra dentro da casa das irmãs.
O tempo passa até que chega o Halloween de 1993, em que Max, Allisson e Dani resolvem invadir a antiga casa das irmãs e acidentalmente eles fazem com que as três bruxas voltem à vida.

•    Hora do Arrepio: Nem Pense Nisso

O filme de R.L Stine, escritor da série de livros Goosebumps , fala de Cassie (Emily Osment), uma garota gótica de 13 anos que acaba de se mudar de cidade e tem problemas em arranjar amigos.
Conforme o Dia das Bruxas se aproxima, a busca para assustar conduz a uma misteriosa loja de Halloween e a um livro incomum chamado “The Evil Thing”, que tinha escrito bem grande na sua contra-capa: NÃO LEIA EM VOZ ALTA.
Cassie, ignora o aviso, lendo o livro para o seu irmão, na noite de halloween e quando termina de ler, percebe o porque do aviso!

•    De Tim Burton: o Estranho mundo de Jack

Sem dúvida nenhuma, o meu favorito!!!! (E provavelmente o de todos!)
Jack é considerado o Rei das Abóboras, na cidade do Halloween, ou seja, ele é o centro das atenções em época de Halloween, no entanto, um dia cansado da sua monótona vida, e um dia acaba acidentalmente descobrindo outro mundo, o do Natal, no qual fica maravilhado.
Então decide mostrar o verdadeiro espírito natalino para os moradores da Cidade do Halloween!
Esse é legal, que serve não só para o halloween para o natal também!!

Para deixar o halloween mais legal, nada como dolls certo?
Aqui temos bruxas feitas por Ana Raquel e Babih, adoráveis Jacks por Marina Z e Laís e uma gótica ao estilo Cassie por Mia!

Espero que aproveitem as dicas
Muitas gostosuras e travessuras,
Beijos, Teka

As Vantagens de Ser Invisível

O filme baseado no livro de mesmo nome publicado em 1999 mostra a vida de Charlie (Logan Lerman), um garoto que não gosta muito de falar e não tem amigos e está iniciando o ensino médio.
Lá ele é acolhido por veteranos também desajustados como Patrick (Ezra Miller) e sua meia-irmã Sam (Emma Watson) e a partir disso ele começa a conviver com um novo grupo de amigos, passando por momentos desde os dramas mais comuns da adolescência como primeiro amor até problemas psicológicos desencadeados por um passado sombrio envolvendo sua tia já morta.

São abordados vários temas, de maneira inovadora e aprofundados causando um fácil envolvimento com o filme e principalmente por Charlie. Há vários momentos que dá para se identificar com o personagem principal, ou até mesmo com outras personagens como a Sam por exemplo.

Eu não li o livro, então não posso dizer se é tão bom quanto, ou se o livro é 1000 vezes melhor, mas eu gostei do que vi no cinema, achei tudo organizado e um roteiro muito bem desenvolvido, uma vez que ele foi dirigido pelo próprio escritor do livro, Stephen Chbosky!
Gostei bastante de modo geral, os atores são maravilhosos, a fotografia é ótima, o roteiro é lindo e a trilha sonora que traz um rock dos anos 70 a 90 faz com que o filme fique melhor!
Ênfase na Emma Watson, primeiro porque é legal vê-la não sendo a Hermione, e segundo porque sua ótima atuação forma uma personagem encantadora!!!


As vantagens de ser invisível tinha tudo para ser um filme clichê e repetitivo sobre um garoto sem amigos tentando se ajustar no ensino médio, mas ele surpreende criando um retrato da adolescência de uma maneira original, e uma comédia dramática que nos faz rir e chorar, as vezes até mesmo ao mesmo tempo!

Aqui tem esse Charlie feito por mim, e essas duas menininhas que me lembraram da Sam, a primeira feita por ~Yanna e a outra por Beatriz.

 

 

 

 

 

O filme está em cartaz, então procure um cinema e não perca!
Beijos e até mais,
Teka