• Mia fez esta doll
    Adotável
    Base por Beeyu

  • Spectra fez esta doll
    Adotável
    Base por Jubs

  • Mia fez esta doll
    Não adotável
    Base por Mia

  • Mia fez esta doll
    Adotável
    Base por Mia

Quer ajudar o site a continuar no ar? Contribua com uma doação - qualquer valor ajuda e nós agradecemos muito!

Posts da tag “música”

Playlist da semana: You’re My Wonderwall

Olá povo! O post de hoje não vai poder ser muito longo, maaas, decidi fazer um playlist, na tentativa de agradar todo mundo, então, vamos lá!

1 – Wonderwall

 

Porque quem não conhece essa música ou a banda, tem que conhecer. Oasis é uma banda de rock inglesa, que faz sucesso desde 1994 até os dias de hoje. Wonderwall é a seu hit de maior sucesso, e considerada a trilha sonora de todo adolescente. Tem que ouvir!
Outras musicas imperdiveis:  Stop Crying Your Heart Out, Stand By Me, Live Forever.

2 –Shake It Out


Florence + The Machine
também é uma banda britânica, de indie rock, liderada pela cantora Florence Welch. Sua música mais famosa é Dog Days Are Gone, mas vou te contar: amei Shake It Out com todas as minhas forças, porque fala sobre espantar as coisas ruins e focar nas coisas boas. Vão lá ouvir!
 Outras musicas imperdiveis:   Landscape, Never Let Me Go, You’ve Got The Love.

3- He’s Not A Boy


The Like
é uma banda de rock alternativo do sul da California, composta por quatro meninas super talentosas ( Z Berg, Laena Geronimo, Tennessee Thomas e Annie Monroe).  O estilo delas é bem embaladinho e super anos 50. He’s Not A Boy é o hit do album Release Me, que fala sobre aquele tipo de garoto, que deve ser sempre evitado, garotas, corram ouvir – e os meninos também.
Outras musicas imperdiveis:   In The End, June Gloom, Wishing He Was Dead

 4- Everything’s Embarrasing

 

Sky Ferreira, modelo norte-americana, descendente de portugueses e brasileiros, tem feito certo sucesso no meio musical desde One e Obsession, seus hits pops. Porém, vem se preparando para lançar um EP chamado Ghost, e apesar de não ter conseguido muito com Red Lips, sua nova música Everything’s Embarrasing, tem feito críticos do mundo todo aclamarem o nome da moça, e muitos dizem que esse será seu grande estouro, porque é mais sentimental, e nos leva de volta aos anos 80 de um jeito bem indie.
Outras musicas imperdiveis:   Lost In My Bedroom, Traces, 108.

Espero que tenham gostado do playlist! Semana que vem tem mais!

xoxo

Música: Lana Del Rey

Primeiramente, me perdoem por ficar tanto tempo sem postar. Estava com alguns problemas por aqui, mas já dei um jeito. Hoje vou falar de uma moça muito talentosa, que mal lançou seu primeiro album no ano passado, e já está prestes a lançar um novo: Born To Die: Paradise Edition. Quem gosta dela precisa saber então, o que essa cantora vai oferecer de novo nessa nova edição de Born To Die, e quem não conhece ela ainda, ta na hora de conhecer. Senhoras e senhores, tenho o prazer de apresentá-los Lana Del Rey.


Lana Del Rey, a.k.a. Lizzy Grant.

Lana é Lana, e isso não se descute, mas de fato, Elizabeth “Lizzy” Woolridge Grant, nascida em Nova York, EUA, só alcançou o sucesso tão almejado, através do pseudonimo criado para sua nova fase musical,  quando se mudou para Londres, em busca de um contrato para gravar seu primeiro album.


Lana antes de ser Lana. 

Antes de usar o pseudonimo que mistura o nome de uma atriz americana, Lana Turner e um modelo de carro, Ford Del Rey, Lizzy Grant gravou um EP, entitulado Kill Kill, por volta de 2009. Também lançou um pequeno album através de uma gravadora menos conhecida, o qual não permaneceu no mercado por muito tempo, mas lançou seu novo nome pela primeira vez pelo titulo Lana Del Ray a.k.a. Lizzy Grant ( Até eu achei que tava escrito errado. É Ray mesmo lol).
Em Outubro de 2011, Del Rey solta a voz no single Video Games. A canção foi promovida com um videoclipe dirigido e editado pela própria cantora, que apresenta cenas dela cantando em frente a uma web-cam e clipes retirados do youtube. Com o sucesso repentino não demorou muito para lançar Born To Die, seu primeiro álbum.


Durante apresentação em 2011 e 2012, respectivamente.

O segundo single, Born To Die, lançado em Dezembro de 2011, recebeu uma recepção positiva da crítica, sendo um dos top tracks no Reino Unido, o que fez com que tivesse dois singles entre as dez primeiras posições num único ano. O video esbanjou o lado vintage e refinado de Lana, que apimenta ainda, com um toque triste e um tanto dark, numa histórinha a la Romeo e Julieta, só que mais quente e menos Conto de Fadas. Vale conferir!


Clique e assista a Born To Die!

Outras musicas do album também fizeram grande sucesso, como Radio, Dark Paradise, Off To The Races, This Is What Makes Us Girls e as musicas National Anthem e Summertime Sadness, que ganharam suas versões em video a pouco tempo atrás. Outro single do álbum que ficou famoso foi Blue Jeans, ainda mais depois do lançamento do video no começo de 2012, que novamente estrela Lana Del Rey e seu par romantico de Born To Die ( interpretado por Bradley Soileau, modelo). O video é todo em preto e branco, super old-fashioned e super sofisticado. O que se tornou bem comum desde o seu primeiro video de alto orçamento, é a forma como ela brinca com a morte em todos eles (assistam e percebam) e a presença de animais em todos eles, no caso tigres, crocodilos, ursos e cachorros.


Clique e assista a Blue Jeans!

Não totalmente satisfeita com a primeira realização de Born To Die, Lana decidiu investir numa nova edição, com mais sete musicas, para a felicidade dos fãs. Por enquanto se especula que pelo menos 7 das  musicas a seguir estarão na re-edição, Born To Die: Paradise Edition:
Afraid, Playing Dangerous, Big Bad Wolf, Ooh Baby, Summer Of Sam, I Sing The Body Electric, In The Land Of Gods And Monsters, Put The Radio On, Serial Killer, Never Let Me Go e Hollywood’s Dead.

E aí, ansiosos que nem eu? 8D

Para finalizar, algumas dolls tão lindas quanto a Lana <3

Dolls lindas por Monokuro, Lika e Karoline. Bases por Laís, Julie e baseless.

E faz algum tempo já, que eu tentei um estilo diferente, e aproveitei para fazer a Lana de Born To Die ^^

Base por ?

Espero que tenham gostado do post, e lembrem de comentar e dar sugestões pessoal!

:)

xoxo

 

Música: Owl City

Há menos de um dia saiu na internet o video do novo hit de Owl City: Good Time, que ainda conta com a voz maravilhosa de Carly Rae Jepsen, e desde então a musica não sai da minha cabeça. Fazia tempo que queria fazer um post de Owl City, então… Chegou essa hora.


Adam Young, no inicio do projeto musical “Owl City”.

O músico estadunidense, Adam Young, além de multi-instrumentista, produtor, compositor e vocalista, o rapaz de 25 anos é também o fundador do projeto de synthpop, Owl City que vem fazendo o maior sucesso desde 2007.
Nascido em Owattona, Minnesota, onde vive até hoje, Adam sempre foi muito introvertido, e muitos boatos afirmam que ele é vítima da Síndrome de Asperger, o que pode ser a causa dele ser mais isolado, na dele, e isso talvez explique também, o vasto vocabulário visto na grande maioria de suas músicas.No fim, o moço utilizou da Música como uma nova maneira de se expressar e se comunicar com as pessoas.

Em 2009, após dois álbuns independentes, lançou seu primeiro álbum oficial, Ocean Eyes, que levou o artista à primeira posição na parada estadunidense da Billboard com o single Fireflies, que também foi a música mais baixada no Itunes nos EUA.  Ocean Eyes também conta com Vanilla Twilight, que deixou a banda conhecida pelos seus videos cheios de paisagens bonitas, e cores calmas.

Clique e assista à Vanilla Twilight!

Owl City também já teve duas músicas produzidas para filmes, tais quais, The Technicolor Phase, para o filme Alice no País das Maravilhas de 2010, e também To The Sky, do filme A Lenda dos Guardiões também de 2010.

All Things Bright and Beautiful foi lançado em 2011, e está recheado de musicas marcantes e nota-se uma forte inspiração em estrelas, planetas, universo, etc. As que eu indico ouvir, seria Angels, Alligator Sky ( prefiro a versão sem o Shawn Christopher, mas o video é legal :D), Galaxies e Deer In The Headlights, que teve um video todo inspirado no filme De Volta Para O Futuro.


Clique e assista à Deer In The Headlights!

Agora Young está trabalhando no novo album The Midsummer Station e lançou hoje o primeiro single, Good Time com Carly Rae Jepsen soltando a voz ao lado dele. Confiram o video e por hoje é só!


Clique e assista à Good Time!

Queria pedir desculpas por não postar nada semana passada, e já que eu não tive tempo e não encontrei nenhum doll legal para representar a banda, fica um pixel muito lindo feito por Ongaku-Ookami, representando Fireflies.

 

Se alguém gostar de Owl City, fica mais uma sugestão: façam uma doll ou pixel, e madem um link pelos comentários, que eu prometo colocar no meu próximo post :)

Semana que vem, vou falar de duas DJ’s muito lindas… Mas não vou contar tudo porque é surpresa.

xoxo

 

 

 

Música: Kerli

Não é de hoje que é possível me ver fazendo dolls relacionadas a música, e especialmente, da minha cantora favorita, Kerli. Por isso, decidi dedicar o post a ela, que do ultimo mês para cá, tem feito certo rebuliço na internet, com o lançamento do novo single, Zero Gravity, e o novo álbum já dando seus ares para os próximos meses.

Kerli Kõiv é uma cantora nascida na Estonia, que cresceu como muitas crianças com o sonho de se tornar famosa por fazer algo especial, desde cedo desenvolveu um talento por musica, mas demorou a receber apoio da família sobre isso, exatamente como passou por muitos problemas emocionais, ao perder a irmã caçula que tinha uma doença degenerativa, e ao ser um tanto rebelde em relação aos outros jovens da sua idade, sendo uma das primeiras da sua turma a pintar o cabelo.


Kerli no começo de sua carreira.

Depois de ser descoberta pela Island Records durante sua apresentação num programa de TV, Kerli se mudou para Los Angeles, onde gravou seu primeiro álbum de estúdio, Love is Dead.

Show de Love is Dead, em Tallinn, Estonia.

O primeiro álbum é mais introvertido, com objetivo de mostrar ao mundo a dor que ela sentiu num determinado período da sua vida, sem perder o tom fantasioso e mágico que sempre inspirou-a no meio artístico. O primeiro álbum teve como maior sucesso o hit Walking on Air, musica que Kerli diz ter criado em base a uma canção de ninar estoniana.

Tea Party e Strange foram musicas feitas para o álbum Almost Alice do filme de Tim Burton, Alice no País das Maravilhas em 2009. Tea Party conta ainda com um vídeo, no qual a cantora aparece como uma rainha meio amalucada, trazendo uma versão mais divertida de Kerli, que diz ter sido sua musica mais “animada” até então. Strange foi um musica em colaboração com a banda Tokyo Hotel.


C
lique e assista a Tea Party!

No final de 2010, ela lança o vídeo de Army of Love, que foi uma nova pagina na carreira da moça, que usou plataformas gigantes, ursinhos e um exercito (formado apenas por estonianos) de branco, com um tema mais animado e o lema Integridade, Amor e União. O mais interessante é que todos os props e figurino do video foram feitos pela Kerli, a própria.


Kerli no video de Army Of Love/ Encontro com seus fãs, Moonchildren.

Nesse mesmo período, criou a comunidade Moonchildren, que significa em português Crianças da Lua, os quais tem por objetivo acreditar no lema criado por Kerli, sendo os soldados do Exército do Amor. De lá para cá, já são milhares de Moonchildren espalhados pelo mundo todo, e o mais legal é que todos se comunicam entre si, e principalmente com a cantora.

Agora, no inicio de abril, lançou o vídeo Zero Gravity, que representa alegria e vitória, e vem todo estilizado nas misturas de Barroco e Cyber Goth. O que é bem comum no estilo Bubblegoth, criado por ela, com objetivo de misturar coisas intrigantes e cutes, para criar algo totalmente oposto entre si, e criativo ao mesmo tempo.
O novo album está para sair por volta de setembro, e já conta com o novo single, Zero Gravity, When You Cry, Speed Limit, Dollface, Supergirl e o próximo single, Let The Kids Unite.


Clique e assista a Zero Gravity!

E para finalizar, algumas dolls maravilhosas dessa moça incrível.

Dolls feitas por Samu, Domi, Laís e eu mesma. Bases por Samu, Domi, Julie e Unicorngirl.
Eu ainda estou fazendo um portrait da Kerli em Zero Gravity, mas vou demorar para terminar ainda XD

Mas eu não posso terminar esse post, sem antes mostrar um collab feito no começo de 2011, que também foi um concurso chamado Army of Love. A idéia era cada um fazer um representante dentro do Exército do Amor. O mais gratificante foi ver a participação de todo mundo, já que no total foram 31 participantes. Clique aqui e veja. Além disso, tive a oportunidade de mostrar para Kerli, e ela amou as dolls e a idéia!

xoxo

 

 

 

Música: Coco Morier

Olá pessoal! Tenho o prazer de estar responsável pelos posts semanais de música! Pra quem não me conhece, sou Paula, mais conhecida por Lily-Tam, dolleio há 4 anos, tenho 16 anos, curitibana, louca por filmes, séries, livros, moda, arte e, obviamente, música.

Meu objetivo é apresentar a cada semana um cantor, cantora ou banda diferente, as vezes vou trazer algo de que o mundo todo ta falando, e as vezes vou trazer algo totalmente novo. E espero ter oportunidades de postar até mesmo esntrevistas curtas ( trabalhando nisso já pessoal, se preparem!) e especialmente: agradar o gosto musical de cada um, porque é impossivel todo mundo gostar da mesma coisa, então fiquem livres para sugestões nos comentários, eu prometo dar uma olhada.

Agora, sem mais delongas, quero falar de uma moça que ta bombando, e na realidade já bomba há um bom tempo, só que como compositora. Nicole “Coco” Morier, estadunidense nascida em São Francisco, Califórnia, começou sua carreira em 2002 na banda de electro-rock, Electrocute, junto de Mindy, a.k.a Legs Le Brock. O projeto terminou quando Nicole se mudou para Los Angeles para começar sua carreira de compositora.

Legs Le Brock e Nicole Morier, respectivamente.

Como compositora, Morier escreveu para artistas tais quais Tom JonesSky Ferreira e até mesmo Britney Spears. Seus maiores sucessos foram Heaven On Earth e How I Roll, sendo dois sucessos musicais de Britney.

De 2011 para 2012, Nicole inicia seu novo projeto, no qual usa o nick “Coco” e passa a cantar boa parte das letras que produziu e que nunca chegaram a ser utilizadas por nenhum outro artista. O ritimo musical em que ela apostou é bem diferente do que ouvimos por aí, electropop e indie, muito bem misturados e produzidos. E para completar, letras cheias de sentimento e significados, sem perder o lado extrovertido que ela trouxe de sua fase Electrocute. Ano passado algumas musicas sairam na web, como Journey to The Center Of The World e Player Of Love.

O video de Ambulance foi lançado um pouco antes do seu primeiro EP ficar pronto, e tinha como objetivo dar um gostinho do que ainda estava por vir. Na opinião de muitos criticos, o video foi muito bem bolado, e pessoalmente, é um dos videos mais bizarros e bonitos que já vi, e vale a pena conferir a letra da musica, porque ela explica bem o video em si.

Clique aqui e assista ao video :)

Apesar do post ser sobre música não tinha como não comentar sobre o estilo diferente e chocante que a Coco simplesmente não deixa de lado. Algo que eu reparei é que ela ama estampas de oncinha enfeites de cabelo.

 

Procurei algumas dolls que lembrassem a Coco,  e olha só que lindas as que eu achei:

   

Dolls por Ann , Karoline e Natália, respectivamente. Bases por Ann, Medea e Jubs, respectivamente.

E eu não podia ficar fora dessa, e decidi fazer uma doll representando a menina que protagoniza o video de Ambulance, Kayla Varley.

Base por Tachibana, adotável para vocês, pessoal! ^^

Agora, quem quiser saber mais da Coco dá uma olhada no site dela: www.cocomorier.com e deem uma olhada escutada nas musicas do EP Strangers May Kiss ( que já tem para comprar no ITunes).

Clique aqui e escute o EP Strangers May Kiss :)

As minhas musicas favoritas são Ambulance e Shameless, quais vocês gostaram mais?

xoxo